Junho é o mês mais esperado do ano em Lisboa. Não só porque o verão e as férias de final de período se aproximam, mas principalmente por causa das festas dos santos populares.

Mais do que uma singela festa junina, essas festas em homenagem a Santo Antônio, São Pedro e São João são literalmente de parar o trânsito!

A cidade toda se enfeita para o evento, mas nos bairros mais tradicionais como Alfama, Graça, Santos, Madragoa… que o fenômeno acontece!

Aquelas ruazinhas estreitas, íngremes e repletas de casinhas coloridas ficam cobertas de faixas e bandeiras, os bares colocam suas mesas nas calçadas e até mesmo nas ruas, em todo canto se vê uma churrasqueira preparando as famosas sardinhas assadas, as barracas de comida e bebida se multiplicam pelos quarteirões, a cada momento encontra-se um palco montado para shows de músicas típicas e nos fins de semana essas ruas ficam lotadas de turistas misturados aos moradores, vendedores, cantores e artistas! É um show!

O ponto alto das festas acontece no dia 12 de junho, véspera do feriado de Santo Antônio, o dia que Lisboa não dorme! Nesse dia, as festas atingem a lotação e a animação máximas e além delas acontecem as marchas populares na luxuosa avenida da Liberdade, assistido por uma multidão de curiosos e torcedores das diversas bairros, que desfilam fantasiados, caracterizados com seus principais usos e costumes.

Nos faz lembrar de alguma coisa? Pois é, não dá pra deixar de pensar no nosso carnaval, nos blocos de rua e nos desfiles das escolas de samba, embora o espírito e a motivação da festa sejam bem diferentes, a animação não deixa nada a desejar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *