Qual a melhor maneira de se locomover em Londres?

Planejar uma viagem envolve muitas coisas, quantos dias? Onde ficar? O que fazer? Como se locomover também é muito importante principalmente quando vier para uma cidade tão grande e com tantas atrações turísticas quanto Londres.

O transporte público de Londres é maravilhoso. São 27 linhas de trem (11 linhas de metrô, 9 de overground e 9 de national rail) além de mais de 700 linhas de ônibus, que cortam toda a cidade. Da zona 1 a 6, para quase todos os lugares que você quiser ir, dá para ir de metrô. Essa é a maneira mais barata, segura e rápida de andar por aqui.

Existem vários tipos de bilhetes diferentes para usar no transporte público. Aqui não se pode pagar um ônibus com dinheiro ao motorista, o bilhete deve ser previamente comprado, assim como para o metrô. O bilhete que tem o melhor custo benefício é o oyster card. Ele custa £5 e você compra em qualquer estação de metrô. Ao fim da viagem você pode devolver o cartão em qualquer estação e receber o seu dinheiro de volta (é como se fosse um depósito).

Se você for ficar na cidade por mais de 4 dias e está programando fazer muitas coisas, aconselho a pagar o valor da semana. A maioria dos hotéis e hospedagens de Airbnb ficam nas zonas 1 e 2, assim como as principais atrações turísticas. Portanto um bilhete que cubra essas áreas é normalmente suficiente para sua estadia. Atualmente o valor da semana para zona 1 e 2 é de £34.10 e você pode andar quantas vezes quiser tanto de metrô quanto de ônibus nesse período de uma semana.

Se o lugar de hospedagem for um pouco mais afastado do centro veja qual a zona em que se localiza e compre o oyster que corresponda a essa zona. O valor que você pagar no oyster pelo metrô também inclui a passagem de ônibus para qualquer zona da cidade.

Se a visita for mais curta ou não estiver planejando pegar muito o transporte público então a melhor opção é fazer um “top up” no seu oyster card. O top up é um valor que você coloca de carga e vai gastando de acordo com o uso. Vale lembrar que você nunca será cobrado um valor maior do que o valor máximo do dia ou do que o da semana. Além disso, se no fim da viagem você não tiver usado todo o crédito que colocou no cartão esse dinheiro é retornado para você ao devolver o oyster card. Uma coisa importante é nunca esquecer de passar o oyster no leitor do metrô e ônibus ao entrar e sair das estações. Algumas não tem roleta, mas se você não encosta o cartão já paga o valor máximo de um dia de viagem entre as zonas 1 e 6!

As linhas de metrô normalmente funcionam de 5:30 as 24:00, mas cada estação tem uma tabela com o horário do primeiro e último trem. Além disso você pode consultar o o site de transporte, www.tfl.gov.uk onde tem todas as informações sobre as linhas de metrô e ônibus e você pode programar a sua viagem colocando o local de partida e chegada e eles informam o melhor caminho.

Algumas linhas de metrô são 24 horas às sextas e sábados, mas não havendo metrô 24 horas para o lugar que você precisa ir, com certeza terá uma linha de ônibus 24 horas ou como eles chamam night bus que te levará até o seu destino.

Um aplicativo muito bom e útil para sua temporada em Londres é o Citymapper. Ele funciona como o site do tfl: você coloca o lugar onde está e o seu destino e ele te da as opções incluindo taxi.

Taxi em Londres é caro, principalmente o black cab que é o mais conhecido e um dos simbolos da cidade. Existem algumas outras opções como o Mini cab, Uber e Via Van.

O mini cab são carros comuns que você liga e marca a corrida. Eles são de acordo com o bairro e normalmente só pegam e levam para essa área. Então ao chegar no lugar de hospedagem é bom perguntar se tem alguma recomendação de mini cab. Muitas vezes sai mais barato do que o Uber.

O Uber quase todo mundo conhece. Chama pelo aplicativo do celular e ele te da um valor de estimativa da corrida. Acho que isso é difrente do Brasil. Da última vez que estive no Rio, pedi o Uber que me deu o valor exato da corrida e não uma estimativa. O Uber é ótimo em várias situações, mas não vale a pena de forma alguma para ir ou vir do aeroporto! Fica uma fortuna.

Via Van é um aplicativo novo que foi lançado esse ano e só atende as zonas 1 e 2. Ele é mais barato que o Uber e te da o valor exato da corrida, não uma estimativa. Ele também oference passe de 3 dias e uma semana. Um casal de idosos que ficaram hospedados aqui em casa há um tempo atrás, usou e disse que foi muito bom já que um deles tinha dificuldades para andar.

 

Qual é a melhor maneira de ir e vir dos aeroportos?

Bom, essa é uma pergunta importante. O maior aeroporto de Londres é o Heathrow. É um aeroporto de muito fácil acesso. Exitem ônibus de West London e metrô, a Piccadilly Line vai até lá, e até o fim de 2019 a Elizabeth Line também passará pelo famoso aeroporto. Além disso, tem o Heathrow Express que é um trem que sai de Paddington até o aeroporto e leva apenas 15 minutos. O preço fica em torno de £25 por pessoa. Se você preferir ir de taxi, meu conselho é marcar um mini cab, que normalmente sai muito mais barato que um taxi normal, ou até mesmo o Uber. Há ainda os taxis que você marca ao chegar no aeroporto (esses são roubada).

Gatwick é o Segundo maior aeroporto da cidade e as melhores maneiras de chegar ou sair de lá são: o Gatwick Express que te deixa em Victoria station em 30 minutos; o trem normal que leva mais ou menos 1 hora e também parte e chega em Victoria station; e ônibus. O ticket do Gatwick express pode ser comprado com antecedência e com desconto pelo site www.gatwickexpress.com. Fica em torno de £20 por pessoa sem desconto, mas comprando pelo site sai mais barato e viajando em grupo também. Se o seu voo chegar depois ou por volta de meia noite não se programe para voltar de trem, o último sai 23:45 se não me engano. Nesse caso a melhor maneira vai ser um mini cab.

Luton e Stansted são aeroportos mais distantes. Também tem trem e ônibus para o centro de Londres, mas assim como Gatwick se o horário de chegada do voo for depois ou por volta de meia noite a melhor opção certamente é um mini cab. Nesse caso peça informação no hotel ou airbnb que for se hospedar antes da viagem.

O London City Airport fica bem perto do centro de Londres. A melhor maneira de chegar nele é pela DLR, uma linha de trem por cima da terra que se connecta com o metrô e na qual o oyster card também é aceito. Mini cab e nesse caso talvez até um Uber valha a pena.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *